10 mitos sobre a perda de peso

O excesso do peso e as tentativas de livrar-se dele é um dos tópicos mais presentes atualmente. E não são só as mulheres que pensam nisso, mas também os homens querem perder peso. E não é surpreendente, porque de acordo com as estatísticas, cerca de 60% (!) das pessoas na Terra têm excesso de peso, e aqueles que querem perder peso são ainda mais. No entanto, o problema é que todos querem ter um índice de massa corporal normal, mas a maioria das pessoas modernas não leva um estilo de vida completamente saudável, e todas as suas tentativas de perder peso muitas vezes não  resultam, devido a alguns mitos muito comuns. Hoje nós analisaremos aqueles mitos devido aos quais a perda de peso a longo prazo se torna impossível.

  • Jejum.

Hoje em dia, as dietas de perda de peso que promovem o jejum (até 500 kcal por dia) ganham a preferência universal. Um lugar especial é ocupado por monodietas. A ideia destas dietas consiste no consumo de um único produto por algum tempo, por exemplo, apenas o trigo-sarraceno sem sal ou apenas chocolate amargo por duas semanas.

Sim, estas dietas são eficazes, porque o jejum permite que perca peso rapidamente e o excesso de peso desaparecerá por algum tempo. Só que qualquer inventor de uma dieta para perda de peso não diz nada sobre o outro lado da moeda. Um cabelo estragado, a pele e as unhas em mau estado, pressão arterial baixa, fome constante e muito mais … Como resultado, irá ganhar novamente o excesso de peso e arruinará a sua saúde.

  • Grandes esforços físicos.

Os grandes esforços físicos nem sempre são benéficos. Porquê? Primeiro de tudo, é perigoso usar um esforço físico, ao dar o seu melhor. As articulações e os músculos que não têm feito esforço físico por muito tempo são rapidamente lesionados. E perder peso por muito tempo não será possível.

Os estudos recentes mostraram que a pessoa gasta a maioria das calorias em exercícios curtos, mas muito intensos. Mais precisamente, uma pessoa que treina 1 hora por dia, corre o risco de perder peso mais lentamente do que alguém que experimenta um esforço físico aumentado por 10 minutos 6 vezes por dia. Como resultado, o tempo gasto é o mesmo e os resultados são diferentes. E tudo porque é muito mais difícil manter o mesmo ritmo por 1 hora sem descanso do que por 10 minutos a cada duas horas.

  • Perda de peso com saunas e banhos turcos.

Acredita-se que uma visita frequente ao banho é um estilo de vida saudável. O vapor supostamente quente “dissolve” as gorduras, removendo assim o excesso e acelerando a perda de peso. Estar na sauna faz realmente muito bem: as sujidades e o excesso de água são eliminados, o sistema cardiovascular é fortalecido e ocorre uma recuperação geral do corpo.

Mas uma ida à sauna ou ao banho turco é também um esforço físico muito sério para o corpo. Por isso, os especialistas recomendam visitá-los não mais do que uma vez por semana. Se for à sauna com mais frequência, poderá ter problemas cardíacos, dores de cabeça, fadiga, exacerbação de doenças crónicas e até um ataque cardíaco. Portanto, o princípio básico de idas aos banhos é a moderação.

  • Administração de comprimidos que aceleram a perda de peso.

Este tema já foi debatido nos órgãos de comunicação mais de uma vez. As mais inofensivas pílulas que ativam a perda de peso contêm laxantes e diuréticos. Os comprimidos mais perigosos contêm componentes medicinais muito fortes que afetam negativamente o corpo.

As consequências podem ser as mais imprevisíveis – desde a paragem dos órgãos internos até o transtorno mental. Em qualquer caso, cada comprimido ou medicamento, que supostamente acelera a perda de peso, passa pelos órgãos internos e afeta todas as células do corpo. Esta não é uma perda de peso saudável. Por exemplo, o bastante popular Hydroxycut 24 em comprimidos que acelera a perda de peso já está proibido nos Estados Unidos da América. Houve casos de convulsões, distúrbios cardiovasculares, insuficiência renal, lesões no fígado e até a morte. Em vez de encher o seu corpo com medicamentos, é melhor tentar o que é seguro e eficaz. Estes métodos incluem técnicas consideradas não convencionais, tais como acupuntura, ioga, adesivos que aceleram a perda de peso com base em plantas, fitoterapia, massagem shiatsu, ginástica de tai chi e muito mais. Os métodos orientais de perda de peso não visam apenas a perda de peso, mas também a melhoria da saúde. Mas com os comprimidos que aceleram a perda de peso, um estilo de vida saudável é impossível.

  • Dietas de perda de peso baseadas em fruta e legumes.

As frutas e os legumes são certamente muito benéficos para o corpo humano. Mas as dietas a longo prazo de frutas e vegetais para a perda de peso têm um efeito nocivo sobre a saúde. Em frutas e legumes não há proteínas e muitas das vitaminas. O corpo não está adaptado para digerir apenas vegetais e assim passa fome.

Além disso, com o passar dos anos, uma pessoa precisa de mais e mais cálcio, o que é praticamente inexistente em frutas e legumes. As dietas para a perda de peso fazem com que o cabelo e as unhas fiquem fracos, que apareça avitaminose, atrofia muscular, doenças do sistema músculo-esquelético.

  • Jejum após 6 horas da tarde.

O processo do metabolismo não para com o início da noite, mas apenas diminui um pouco. O jejum depois das 6 da tarde levará a um colapso, e o excesso de peso não desaparecerá … Pode e deve jantar, apenas com moderação.

Os nutricionistas demonstraram que um jantar farto mesmo antes da hora de dormir contribui para a insónia, sono pesado e uma fadiga rápida no dia seguinte. Portanto, o jantar deve ser consumido o mais tardar 2-3 horas antes de deitar. Durante esse período, a maior parte da comida consumida será digerida, e o corpo terá tempo para relaxar. Para o jantar, o melhor é comer peixe ou carne magra, legumes e frutas, produtos lácteos com moderação.

  • Consumo insuficiente de líquidos.

Um estilo de vida saudável não pode ser praticado sem beber a quantidade necessária de água. Se beber a água em quantidades insuficiente, retardará o metabolismo, aparecerá o excesso de peso e o inchaço. Ao beber 8 copos de água por dia, irá remover o líquido desnecessário, derrotará a fome falsa e melhorará o estado da sua pele.

Uma água limpa remove as toxinas do corpo, especialmente durante a doença. E a água mineral nutre todas as células do corpo com minerais.

  • Consumo de produtos com baixo teor de gordura.

Há um mito de que as pessoas que usam produtos com baixo teor de gordura rapidamente perdem peso, não sentem a fome e levam um estilo de vida saudável. Na realidade, não é verdade, especialmente quando se trata de iogurtes, porque em vez de gordura eles contêm açúcar e amido.

Mesmo se comer meio litro de iogurte magro, a fome voltará muito rapidamente. Isso ocorre porque não há gorduras que sinalizem o cérebro que o corpo está cheio. Pelo contrário, ganhará um excesso de peso. Os nutricionistas recomendam fazer uma escolha de alimentos (especialmente de laticínios) que possuem um nível médio de gordura.

  • Antecipação de resultados imediatos.

Muitas pessoas ao tentar perder o excesso de peso, uma semana depois ficam surpreendidas por não haver nenhum resultado. Não deve se apressar, porque o nosso corpo não é um balão que pode ser insuflado muito rapidamente e, em seguida, esvaziado ainda mais rápido. Ao ter ganho uma dúzia de quilos durante dois ou três anos, não precisa de esperar que eles desapareçam num mês.

Pelo contrário, às vezes os números podem crescer, porque o corpo se esforça para reorganizar-se para um estilo de vida saudável, mas nem sempre consegue. O principal nesta situação é ter paciência e perseverança. O corpo precisa entender que um estilo de vida saudável e o esforço físico são agora a norma. E depois de um tempo será possível registrar novas conquistas.

  • Corrida até exaustão.

Em primeiro lugar, para as pessoas que têm muito peso extra, correr é indesejável, porque a corrida cria muito esforço físico para a coluna. O melhor de tudo, nesses casos, é dançar, caminhar ou andar de bicicleta.

No entanto, mesmo se quiser perder apenas um pouco de peso, não deve correr num estádio ou numa uma esteira até ao ponto de exaustão. É claro que correr normalmente ou correr com aceleração é um esforço físico anaeróbico maravilhoso para todo o corpo. Mas precisa de aumentar o tempo dos treinos gradualmente. Se todos os dias correr até à exaustão, os benefícios serão insignificantes. O facto é que, ao estar muito cansado, o corpo começa a processar não as gorduras, mas as proteínas, já que isso é mais fácil de fazer. E as proteínas são os músculos. Portanto, ao correr no limite das possibilidades, a perda de peso é impossível.

Apresentamos apenas os 10 erros mais comuns que fazem as pessoas que tentam perder peso. Na verdade, há muito mais. Portanto, tenha cuidado, ouça a si mesmo e leve um estilo de vida saudável. E nós desejamos-lhe muito sucesso nesta tarefa difícil!

You May Also Like

5 razões para começar a correr não relacionadas à perda de peso

Principais métodos de aumento do nível e testosterona por meios naturais