Principais métodos de aumento do nível e testosterona por meios naturais 

A principal hormona masculina é a testosterona e está associada a um corpo masculino bem elaborado, força e sexualidade. Há muitos especialistas na área de treinos de força e musculação que estão a trabalhar para reforçar o seu nível.

Nesse artigo analisamos principais métodos de reforço da principal hormona masculino empregando meios naturais. Não se deve duvidar os fatos expostos, tudo descrito tem comprovação científica.

O que é testosterona

As hormonas esteroides – andrógenos são responsáveis pela musculação. A testosterona é a principal hormona-andrógeno do organismo, tendo regulado o sistema imune, libido, energia sexual, saúde do aparelho locomotor. É evidente que população masculina tem mais testosterona de que a feminina. A sua quantidade no corpo de cada pessoa é individual, tendo variado dentro de limites a seguir:

  • para homens de 300 a 1000 ng/dl;
  • para mulheres de 15 a 70 ng/dl.

A diferença é evidente. Devido ao baixo nível de testosterona no sangue as mulheres, que praticam treinos desportivos com pesos e halteres são incapazes de ganhar dimensões como homens. Mas isso considerando se não tomam os preparados com testosterona.

Entretanto, o nível natural de testosterona se reduz quando o organismo de homem começa a envelhecer.

Porque regista-se a diminuição do nível de testosterona

Podemos destacar alguns motivos que provocam a diminuição do nível de testosterona, nomeadamente:

  • falto em consumo de calorias;
  • baixo nível de consumo de produtos gordos;
  • revelações depressivas e estresse;
  • tomada de medicamentos;
  • baixo grau de atividade sexual;
  • alimentação em excesso e obesidade;
  • uso de contracetivos além de norma;
  • falta de sonho.

Como identificar o baixo nível de hormona masculina

Os especialistas destacam alguns indícios para detetar a insuficiência de testosterona:

  • ausência ou baixo nível de atração sexual;
  • presença de gordura;
  • atonia;
  • cansaço crónico;
  • redução da massa muscular;
  • hipertensão.

Entretanto, falando sobre o peso em excesso, o médico Spencer Nadolsky afirma que o tecido gorduroso é capaz de transformar a testosterona ao estrogénio, hormona feminina. Por isso, quando um homem se engorda o seu peito parece a de mulher.

Não é um segredo que propriamente testosterona é a parte mais importante para reforço da estrutura muscular e corpo bem elaborado. Há de salientar, que o nível normal da hormona garante, além da boa musculação, a excelente saúde.

Métodos de aumento do nível da testosterona no sangue

Treinos no ginásio

Com treinos de força se aumenta a quantidade de principal hormona masculino. O cientista norte-americano William Creamer confirma que uma carga de força é capaz de aumentar o nível de hormona masculino e hormona de desenvolvimento dentro de 30 minutos depois de treino terminar.

Maioria das pessoas questiona – como se treinar de forma correta? O especialista de fitness Brad Schoenefeld explica isso no seu trabalho “Mecanismo da hipertrofia muscular e sua aplicação aos treinos de força”, editado em 2010. As principais regras de treinos seguem abaixo:

  • pratica exercícios para várias articulações;
  • faça a volta de 4 seções;
  • faça 6-12 repetições;
  • descansa dentro de 1.5 minutos entre seções;
  • mantenha ritmo médio de exercício, quando a descida de peso deve demorar não menos de 4 segundos;
  • treino não se deve demorar mais de uma hora;
  • não pratica exercícios de força até se esgotar.

Menu bem elaborado

Numero de calorias

O especialista de fisiologia desportiva Jim Stoppani confirma que para aumentar o nível de testosterona é necessário se alimentar normalmente, consumindo numero necessário de calorias. Quando um desportista faz dieta, assim contribui à redução da hormona masculina: uma alimentação não equilibrada trava elaboração de fermentos de catalisação de testosterona nos testículos, diminuindo assim o nível geral. Também faz mal consumir o número de calorias em excesso, sendo que, como já referimos, o tecido de gordura contribui para transformação da hormona masculina à feminina.

Carne

Depois de ter feitas varias experiências os especialistas explicam que alimentação vegetariana reduz o nível de testosterona. O nível de testosterona registado aos vegetarianos é muito mais baixo de que apresentam pessoas que comem carne. Assim, podemos resumir que menu diário deve ter carne: pratos de carne suína, bovina, frango e peixe.

Gorduras

O fisiologista esportivo Jum Stoppani declara que primeiro passo para aumento natural da testosterona é o cálculo de sua alimentação, onde deve haver o número necessário de calorias.

Se falar sobre gordura, a alimentação gordurosa deve ocupar a volta de 30% da comida geral diária. Evita consumir ácidos gordos, especialmente, peixe de mar, óleos vegetais (girassol, milho). Alimenta-se mais com produtos tipo azeite, noz, abacate; também deve consumir gorduras, tendo substituído, quando for possível, carne branco por vermelho, consumindo gemas de ovo e produtos lácteos.

As investigações cientificas confirmam que menu com gorduras e ácidos gordurosos melhoram o nível de andrógeno. Quando os menus com quantidade elevada de poli-gorduras contribuem para aumento de testosterona. Também, há confirmação científica que deve evitar consumir grande quantidade de gorduras ao almoço e jantar, que podem baixar o nível e testosterona em 20%, sendo que restabelecimento da sua norma demora 8 horas.

Se lembra:

  • gordura deve fazer a volta de 30% da quantidade geral da comida;
  • consome gordura saturada e ácidos gordurosos;
  • distribui alimentação gordurosa durante todo o dia.
Consome vegetais benéficos

Deve comer vegetais: couve branco e couve flor, brócolos e etc. A couve contem a substância indol-3-carbinol, que reduz formação de estrógenos e diminui efeito negativo à testosterona.

Toma líquidos

Investigações confirmam que desidratação do organismo depois de pratica de atividade física no ginásio impede a produção do andrógeno necessário.

Consumo de produtos com vitaminas e minerais benéficos

Alimenta-se com comida com elevado teor de vitaminas e minerais, tendo obrigatoriamente consumido os produtos com zinco, magnésio e vitamina D.

  • Consumindo a carna abastece o organismo com zinco que contribui, por sua vez, à produção da testosterona.
  • Vitamina D.Propriamente essa vitamina regula a produção de hormona para homens. Os principais produtos com grande teor da vitamina D são: peixe gordo, fígado de vaca, carne suíno, iogurte, leite, aveia. Quando uma pessoa se encontra dentro de um espaço fechado sem receber vitamina de ar livre e luz solar, é impossível restabelecer o seu nível através de alimentos. Assim, os especialistas aconselham de consumir produtos com referida vitamina.
  • Magnésio. Nomeadamente magnésio é capaz de aumentar o nível de testosterona através do processo de redução do nível de globulina que amarra hormonas sexuais. Alimenta-se com cementes de abobora, batata, vários tipos de nozes – todos esses produtos têm magnésio.

Recuperação do organismo

  • Sonho suficiente

A testosterona é capaz de ser produzido durante o sonho, por isso um homem deve descansar pelo menos 8 horas por dia. As experiencias feitas nessa área confirmam: organismo masculino com falta de sonho regular apresenta baixo nível de hormona masculina, reduzida em 13%.

  • Relaxa de forma correta

Evita situações de estresse, tendo empregado meios especiais para se tranquilizar, por exemplo, mediação e relaxação. Quando praticar exercícios de meditação regularmente o nível de hormona masculina e hormona de crescimento se aumenta.

  • Atividade sexual

O nível de testosterona se aumenta com atividade sexual regular, quando falta da vida sexual contribui à redução, essa corelação tem confirmação cientifica.

Conclusão

Nesse artigo apresentamos principais métodos de aumento do nível de testosterona. Somente quando tiver aplicado referidos conselhos regularmente adquirirá o resultado positivo.

Consegue um corpo bem elaborado se trainar regularmente, corrigindo a alimentação, tendo descansado suficientemente e evitando o estresse.

Deve considerar que esses métodos podem garantir melhor resultado de que consumo de aditamentos alimentícios.

You May Also Like

Impotência: Como preveni-la

Sexo e saúde emocional: será que há ligação

10 mitos sobre a perda de peso

O que é Sildenafil?